Banners


Create your own banner at mybannermaker.com!

Aproveitamento do caroço de açaí

< / a >

quarta-feira, maio 10, 2017

Parauapebas se regozija com o maior presente recebido no seu 29º aniversário de emancipação política e administrativa



O município de Parauapebas no Sudeste do Pará está em festa hoje, porque exatamente há 29 anos, ela, digo, seu povo, conseguiu se libertar do jugo e da humilhação dos administradores de Marabá, da qual a então “corruptela” denominada “Rio Verde” pertencia e que era considerada pela então vice-prefeita da época Maria Adelina Guglioti Braglia, "Quintal de Marabá".

Daqui a pouco estarei viajando da cidade de Castanhal, distante de Belém uma hora, para Barretos, São Paulo, mas não poderia deixar de prestar a minha homenagem ainda em território paraense, a este município onde está instalado o maior projeto a céu aberto de exploração de minérios do mundo, tendo a mineradora Vale como a sua principal beneficiária, e que como um dos seus pioneiros chegando ali em março de 1984, dei a minha parcela de contribuição como os demais parauapebenses que chegaram antes e depois de mim, que contribuiu para o seu desenvolvimento e progresso desde a década de 80.

Não me arrependi de nada que fiz nesta cidade em benefício, e em defesa de sua população, faria tudo de novo se preciso fosse.

Nesta minha homenagem não vou repetir o que já se sabe sobre a origem de Parauapebas, nem os acertos e erros cometidos pelos gestores que comandaram os destinos da mesma durante esses 29 anos de emancipação política e administrativa, vou parabenizar e homenagear o povo ordeiro, honesto, guerreiro e trabalhador que deu origem a este município paraense que está aniversariando hoje, na pessoa de um amigo meu, que como milhares de pessoas, saiu de sua cidade natal no Goiás, acreditando que havia encontrado a “Terra Prometida” em 1983, e começando como açougueiro para garantir a sua sobrevivência, desenvolvendo outras atividades comerciais até a emancipação política e administrativa de Parauapebas em 10 de maio de 1988.

Na formação do primeiro governo municipal ele foi convidado pelo seu primeiro gestor para assumir um cargo como servidor público municipal contratado.

Mal ele não imaginava o que estava reservado para o seu futuro político, já que nunca foi sua pretensão disputar qualquer cargo público através de Eleições municipais ou gerais, sempre se concentrava nas suas atividades das funções públicas que ocupava no município
Depois de um intervalo de 08 anos fora das funções públicas no município, no governo do então, gestor Darci Lermen, que governou o município por 08 anos, surge em 2012 um dos maiores desafios de sua vida que mudaria os rumos políticos e administrativo de Parauapebas, que era organizar em 100 horas no município o PSD, tempo limite para ser legalizado no TRE em Belém, já que o governador Simão Jatene havia entregue o mesmo, ao empresário Valmir Queiroz Mariano, conhecido por “Valmir da Integral”, desafiando-o a sair candidato a prefeito em Parauapebas naquele ano, como o sucessor do Darci José Lermen.

O Valmir estava em Belém e não daria tempo ele retornar a Parauapebas para organizar a mais nova agremiação partidária no município, com seu respectivo diretório municipal, o que o levou telefonar para o nosso amigo solicitando-lhe que agilizasse o mais rápido possível, pois só dispunha de 100 horas para a legalização do PSD no município, enviando-lhe toda a documentação necessária para esse fim via fax. 

Nosso amigo ainda questionou que o tempo era muito exíguo e talvez não conseguisse registrar no Tribunal Regional Eleitoral dentro desse espaço de tempo que era muito curto, mas mesmo assim, arregaçou a manga da camisa e caiu em campo para filiar eleitores, e formar a diretoria do Diretório Municipal do PSD, ficando ele como vice-presidente do partido e o Valmir como presidente,

Nosso amigo que sempre foi dado aos desafios da vida, conseguiu vencer todas as etapas necessárias e exigidas pela Justiça Eleitoral para a legalização de mais um partido político em Parauapebas em 100 horas, o que garantiu a candidatura do Valmir Queiroz Mariano nas eleições municipais de 2012.
A batalha desse amigo guerreiro não parou por aí.

Ele teve que assumir o comando da campanha do “Velhote” de ponta a ponta, já que o mesmo nunca tivera experiência nessa área ao longo de sua vida, sua experiência sempre  como empresário prestador de serviço a mineradora Vale.

Graças à competência como articulador político desse nosso amigo, a eleição para prefeito do empresário Valmir Queiroz Mariano foi garantida como um feito inédito no seu ingresso ao segmento político partidário, sendo eleito na sua primeira disputa a um cargo público através do voto popular.

Lógico que reputamos essa conquista ao nosso amigo, porque se não fosse ele ter conseguido em tempo recorde a legalização do PSD no município de Parauapebas, o empresário Valmir da Integral jamais seria eleito prefeito em 2012.

Mas não parou por aí as conquistas do nosso amigo em tão pouco tempo.
Antes mesmo da campanha eleitoral, o nosso amigo havia solicitado ao então pré-candidato Valmir Mariano que caso ele ganhasse aquela eleição, só lhe interessaria assumir a gestão do Serviço Autônomo de Água e Esgoto de Parauapebas-SAAEP, ainda que o pré-candidato Valmir Mariano lhe alertasse que assumir aquela autarquia que durante 24 anos de emancipação política e administrativa daquele município que já havia caído no descrédito daquela população que não tinha água potável na maioria de suas casas durante esses anos todos, seria colocar seu pescoço na guilhotina, meu amigo não desistiu de sua pretensão.

Ao assumir o SAAEP, meu amigo procurou descobrir o “mistério” de aquela autarquia viver inadimplente durante a gestão dos seus antecessores por mais de  duas décadas, motivo esse, que nunca existia dinheiro em caixa para ampliar o fornecimento de água tratada para a população.

Não demorou muito para a descoberta do “mistério”, que nada mais era a falta de competência administrativa dos gestores que assumiam aquele setor de vital importância para qualquer administração pública a nível municipal, estadual e federal, porque se trata do cuidado do líquido mais precioso do mundo que é a água, e que sem ela ninguém sobrevive.

Ato contínuo, meu amigo desenvolveu um ritmo de trabalho para recuperar a credibilidade daquela autarquia diante da população, que não parava nem para almoçar direito, sendo o primeiro que chegava para trabalhar pela manhã, e o último que saia sempre depois das 18 horas.

Sua dedicação valeu a pena, porque depois de um ano e cinco meses no comando do SAAEP, ele conseguiu colocar água potável durante 24 horas em 100% das residências da população.
Um verdadeiro fenômeno.

Duas vitórias conquistadas em tão pouco tempo pelo nosso amigo.
Mas nenhuma dessas duas conquistas fez meu amigo “subir o salto”, sempre se manteve simples e humilde como todos nós o conhecíamos, desde que chegou a Parauapebas.
Mais surpresas agradáveis para o nosso amigo em tela, o aguardava 

No começo de 2014, o então prefeito Valmir Mariano decidiu apostar em um candidato para assumir uma cadeira no Legislativo Estadual para representar os interesses daquele município que já havia tido um casal de deputado, um estadual por dois mandatos, e a mulher deputada federal de um só mandato, mas que ambos não conseguiram fazer nada por Parauapebas.

Pesquisa daqui, pesquisa dali, conversa daqui, conversa dali em busca de um candidato a deputado estadual que pudesse representar aquele município paraense no Sudeste do Pará, Valmir Mariano não conseguiu encontrar nenhum que correspondesse o perfil do candidato que ele desejava.
Sua alternativa foi convencer esse nosso amigo a se submeter a mais um desafio em sua vida, o de concorrer a uma vaga no Legislativo Estadual.

Depois de resistir o máximo a pressão do seu amigo prefeito Valmir Mariano, justificando sua recusa ao convite para concorrer ao cargo de deputado estadual o seu interesse de concluir sua gestão no SAAEP, foi vencido pela insistência do “Velhote” e mais alguns amigos.

Ele é um predestinado por Deus para vencer desafios.

Se tornou o candidato a Deputado Estadual pela primeira vez em sua vida sem recursos financeiros para investir em sua campanha, porém, a sua humildade e simplicidade, alguma ajuda de amigos, e a união dos eleitores de Parauapebas e diversos municípios do Sul e Sudeste do Pará, lhe deram mais de 32 mil votos nas Urnas em 2014, ficando como 1º Suplente de 12 Deputados.


Finalmente, no começo de fevereiro deste ano, o meu amigo assume uma cadeira de Deputado Estadual na Assembleia Legislativa do Estado do Pará, e desde então não parou de trabalhar em benefício das comunidades paraenses espalhadas nos diversos municípios deste pujante e rico estado do Norte do Brasil.
Seu carisma e espírito conciliador aliado ao seu senso de um exímio pacificador, o tem feito conquistar a simpatia, e a amizade não só dos seus colegas de diversas correntes partidárias na ALEPA, como também de pessoas que tem a oportunidade de conhecê-lo pessoalmente pela primeira vez.
Essa pessoa que estou fazendo esse modesto e simplório relato de sua biografia tem um nome: Gesmar Costa, Deputado Estadual pelo PSD, eleito pelo município de Parauapebas.
Hoje, Parauapebas pode se orgulhar e se regozijar de depois de 29 anos de emancipação política e administrativa, ganhou de presente seu legítimo representante no Poder Legislativo do Estado do Pará, que não tem medido esforços para corresponder com os votos de confiança que recebeu dos eleitores paraenses, principalmente do Sul e Sudeste paraense, que acreditaram na sua seriedade e transparência no cuidado com a coisa pública.
Finalizo essa minha homenagem aos 29 anos de emancipação política e administrativa do município que tive a grata satisfação de fazer parte de sua história, parabenizando a toda população parauapebense por ter sido a grande responsável pela criação de mais um município brasileiro no dia 10 de maio de 1988.
Parabéns Deputado Gesmar, por você ter tido a paciência, a sabedoria e a inteligência de saber esperar o momento que você se tornaria a maior referência política de todos os tempos deste município que você escolheu para desenvolver seu projeto de vida como os demais moradores desta "Jovem aniversariante" !






























































































































































































































































































Esta é a minha mais sincera homenagem aos 29 anos de emancipação política e administrativa a Parauapebas.


Valter Desiderio Barreto.

Nenhum comentário: