Banners


Create your own banner at mybannermaker.com!

Aproveitamento do caroço de açaí

< / a >

domingo, agosto 30, 2015

Telefonia lidera índice de reclamações entre consumidores, diz Procon-AM

http://www.assiscity.com/img/81/2014/fileg_208528.jpg
A operadora Vivo é a campeã de reclamações por clientes no PROCON no Brasil inteiro
 

Mais de 18 mil atendimentos foram realizados no primeiro semestre do ano.
26% das reclamações registradas foram para o setor de telefonia.

 

Do G1 AM
Telefonia móvel ficou em 2º lugar no ranking de reclamações do Procon-PB em 2012 (Foto: Krystine Carneiro/G1)Telefonia móvel ficou em 1º lugar no ranking de reclamações do Procon-AM no primeiro semestre de 2015 (Foto: Krystine Carneiro/G1)
 
 
O setor de telefonia celular lidera o número de reclamações registradas pelo Programa Estadual de Defesa do Consumidor (Procon-AM), nos primeiros seis meses de 2015. 

De acordo com o controle geral de atendimentos do órgão, mais de 26% das reclamações foram somente neste setor.

Saiba mais:

A operadora Vivo lidera o número de reclamações, com 11,10% dos atendimentos, seguida da Oi, com 8,64%, e da Claro, que 4,66%.

Além da telefonia, TV por assinatura, abastecimento de água e esgoto, assuntos que envolvem bancos, cartões de crédito e internet também estão na lista das reclamações.

De janeiro a junho deste ano, o Procon já realizou mais de 18 mil atendimentos. 

Ao todo, foram 5.035 aberturas diretas de reclamações, sendo 2.085 apenas envolvendo telefonia móvel e fixa. 

Segundo o órgão, mais de seis mil audiências já foram realizadas.

Segundo a coordenadora do Procon em Manaus, Rosely Fernandes, outras regiões do país também registram altos índices de reclamações do setor de telefonia.

"Operadoras de telefonia entraram no ranking de norte a sul do país, na última reunião que nós tivemos em São Paulo, junto com a Secretaria Nacional de Direitos  do Consumidor, observou-se que no Procon desde o Rio Grande do Sul até o Amazonas, operadoras de telefonia lideram o ranking e elas vêm liderando com vários aspectos", disse ao G1.

Segundo ela, cobrança indevida, duplicidade de cobrança e bloqueios pela internet, além da questão de consumidores que estão reclamando por estarem inscritos no Serviço de Proteção ao Crédito (SPC) indevidamente são as principais ocorrências recebidas pelo órgão.


Ainda segundo Rosely, a atuação do Procon tem por finalidade proteger os direitos dos cidadãos e exigir o aperfeiçoamento das empresas, observando a política nacional das relações de consumo.
"[Consumidores] Devem procurar o Procon, em todos os casos que tenham relação ao consumo, seja na área de prestação de serviço, telefonia, na área de saúde, na área do comércio varejista, na área de educação. 

O consumidor precisa ser lesado para poder reclamar junto ao Procon", disse.

A diretora destacou que consumidores podem procurar a sede do órgão, que fica localizada na Avenida André Araújo, 1500 – bairro Aleixo, de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h. 


Denúncias podem ser feitas pelo telefone é 0800 92 1512 e pelo e-mail: dirprocon@sejusc.am.gov.br.
 
Operadoras.

Por meio de nota, a operadora Claro informou que "realiza fortes investimentos para aprimorar a infraestrutura, a comunicação e os canais de atendimento" a fim de satisfazer os usuários e reduzir os índices de reclamações.


A Oi afirmou que "está comprometida com a evolução da qualidade do atendimento dos serviços de telecomunicações no Amazonas" e que realizou investimentos para melhoria da qualidade no estado. 

Ao G1, a telefônica Vivo disse que trabalha ininterruptamente para prestar serviços e atendimento de qualidade aos clientes do Amazonas. 

"A maior parte dos investimentos destina-se à expansão, aumento de capacidade e melhorias da infraestrutura de redes e sistemas", informou a operadora em nota.

A Tim informou por meio de nota que "tem empenhado esforços para reduzir o número de reclamações registradas nos órgãos de defesa do consumidor". 

A empresa ressalta ainda que investe em projetos de infraestrutura e qualidade, que representam a maior parte do orçamento de R$ 14 bilhões programado para o triênio 2015-2017.

Leiam reclamações de clientes abaixo. 
 
 
A vivo Roubou meus Créditos!
 
A operadora Vivo está roubando seus clientes e as autoridades do nosso país nada está fazendo para coibi-la desse abuso contra seus usuários. 
 
Descobri que esta operadora não está fazendo isso só comigo não, é com milhares de clientes desavisados depois que entrei no google para fazer uma pesquisa sobre reclamações de operadoras de celular no PROCON.  
 
Para a minha surpresa, encontrei várias denúncias e não precisei fazer matérias denunciando esta empresa de telefonia móvel Vivo, campeã de denúncias no órgão que protege o consumidor que é o PROCON. 


 
Senhores Bom dia!

Carreguei meu vivo com R$ 15,00 eram 10:31 sem que tivesse feito nenhuma ligaçao as 13:00 ja estava com apenas R$9,00 no final da tarde recebi outra msg que meus creditos ja haviam se esgotado!

Absolutamente inadmissível [editado pelo Reclame Aqui] negligencia como pode isso, o atendimento so SAC é tao ruim que da desanimo de ligar e falar com aquelas atendente.

Exijo meus creditos de volta VIVO e uma explicaçao detalhada sobre o assunto um extrato mostrando os descontos e minhas ligaçoes do periodo!

Sem sombra de Duvidas um cliente a vivo perdeu porque estou mudando de operadora. e convencendo quantas pessoas mais conseguir a sair desta operadora que [editado pelo Reclame Aqui] os creditos do cliente 
 
 
Valter Desiderio Barreto.
 
Eu também estou sendo roubado por esta operadora cada vez que coloco créditos. Semana  passada  aconteceu mais uma vez. Coloquei R$ 10,00 de crédito no início da semana, passado dois dias sem ligar para ninguém, recebo uma mensagem no dia 28 do mês em curso dizendo: "Vivo Informa: seu saldo é de R$ 0,10 válido até 25/09/2015. Faça uma recarga e continue usando seu Vivo".

André Luiz Pereira ·
A VIVO TÁ ME ROUBANDO CRÉDITOS TODO MÊS, É SÓ CARREGAR QUE ELES SUBTRAEM MEUS CRÉDITOS, CADÊ O MINISTÉRIO PÚBLICO PRA ACABAR COM ESSA VAGABUNDAGEM, EMPRESA LIXO !

Andrey Leite ·
COLOQUEI R$ 15,00 DE CREDITOS NA VIVO NO SABADO, E NA SEGUNDA MEUS CREDITOS SUMIRAM, NAO LIGUEI PARA NINGUEM, E A INTERNET, NEM USO O DIA TODO, NAO ACONTECE SO NA VIVO NAO, NA TIM TBM, ISSO É UM ABSURDO ESTAO ROUBANDO MT, TEMSO QUE FAZER ALGUMA COISA PARA RESOLVER ISSO AI.
José Carlos Negreiros ·
ESSA VIVO ESTÁ ROUBANDO MEUS CRÉDITOS TBM, COLOQUEI 15 REAIS, DEPOIS DE DOIS DIAS NÃO TINHA MAIS NADA, SENDO QUE SÓ USO PRA INTERNET, ONDE É DESCONTADO 0.99 CENTAVOS AO DIA... VOU LIGAR A ANATEL E PROCURAR MEUS DIREITOS, É A 2 VEZ

Samuel Miranda
CAROS AMIGOS, SEU CRÉDITOS DA VIVO ESTÃO SUMINDO?
DESCOBRI MÊS PASSADO QUE ESTA OPERADORA ESTÁ CADASTRANDO SEUS CLIENTES INDEVIDAMENTE EM PACOTES VIVO, TAIS COMO, VIVO SAÚDE: PACOTES DE MENSAGENS DE DICAS DE SAÚDE E TIRAM R$4,00 MENSAIS DE SEUS CREDITOS.
OUTRO PROBLEMA DETECTADO: SEGURO DE VIDA ACE QUE VOCÊ GANHA ATRAVÉS DE MENSAGEM, APÓS ADICIONAR DETERMINADOS VALORES EM CREDITO, NO PRIMEIRO MÊS É GRATUITO, PORÉM, A PARTIR DO PRÓXIMO MÊS TE TIRAM R$6,00 DE CREDITO, DIZEM QUE VC SE CADASTROU, POREM ISSO É MENTIRA.
RECLAMEI PARA VIVO E DEPOIS ANATEL(1331), DEPOIS DESCOBRI ESSA PRATICA A TRAVÉS DO RETORNO DA OPERADORA.
ESTE MÊS ACONTECEU NOVAMENTE.
AJUDA AI AUTORIDADES.
Suéllen Candido
Isso não é tudo! Eu estava com um celular android na vivo com dois chips, porém eu só tinha 1 chip com a promoção Vivo On. Quando fui na loja, me venderam um pacote onde eu poderia falar ilimitado de vivo pra vivo de qualquer lugar + internet ou torpedo ( eu escolhi internet por causa do Vivo On que já me dava 10 mil torpedos.). Certo dia esse meu celular android estragou e fiquei 1 mes sem acessar a internet e quando voltei, só podia fazer ligação por causa de um reajuste ( que deveria se chamar Pague Mais e Leve Menos), onde o valor subiu e eu só poderia ligar. E agora, pra ficar tudo mais lindo ainda, eu comprei outro android e deixo a Rede Móveis desligada quando estou em casa e eles cobram por eu usar wifi da minha casa como se eu estivesse usando a internet deles!!
E toda vez que eu ligo, eles falam que não descontou nada ou que a rede moveis está ligada, sendo que não está ou que é pra eu ignorar pq não é nada demais...
Tô cansada disso...

Paulo Morais ·
Suéllen Candido comigo está acontecendo o mesmo! Deixo os dados móveis desativados, pois só utilizo o wi-fi. Já há quatro dias recebo mensagens do 0800 da vivo dizendo que me conectei e será cobrado R$0,99 até às 23:59 do mesmo dia. Estão assaltando na cara dura!

Suéllen Candido ·
Paulo Morais , Eu não aguento mais isso.... não consigo passar uma semana sem ser debitada e agora pelo visto, eles estão se recusando a devolver o dinheiro.

Rildo Augusto da Silva acontece comigo tb por isso aderi a Claro pelo menos acontecendo qualquer coisa eles devolvem seus creditos ao diagnosticar seu erro,o proprio nome ja diz tudo "VIVO" pra caramba...

Elizeu Rocha Souza · eu tbm coloquei 15 Reais de credito no meu chip da vivo e ai chequei em casa e chego mensagem para eu coloca mas 25 reais ai fui para ver *8000 para ver quantos estava de credito apareceu 3 reais loga de 15 reais e ainda não vis ligação para ninguém ai coloquei de novo credito 15 reais estou com 18 reais vou ver se avivo vai rouba de novo nem ouso net da vivo so monde com raifai de gvt no meu celular!
 

Dilma desiste de criar imposto nos mesmos moldes da CPMF


A presidente se reuniu com ministros da área econômica neste sábado.
Na quinta, ministro da Saúde confirmou que governo estudava a possibilidade.

 

Do G1, em Brasília, com informações da TV Globo
 
O governo federal desistiu neste sábado (29) de criar um imposto para financiar a saúde, nos mesmos moldes da Contribuição Provisória sobre Movimentação Financeira (CPMF). 

A presidente Dilma Rousseff já tomou a decisão, mas a informação ainda não foi oficializada, segundo informou o Jornal Nacional.

Na quinta-feira (27), o ministro da Saúde, Arthur Chioro, confirmou que o governo estudava a recriação do imposto

A CPMF vigorou por dez anos e acabou em 2007, quando foi derrubada pelo Senado.

Depois da forte reação negativa à notícia de que o imposto poderia ser recriado, a presidente Dilma Rousseff demonstrou dúvidas e até uma certa resistência à recriação da CPMF, segundo informou o Blog do Camarotti.

A ideia de criar um novo imposto para financiar a saúde enfrentou resistência na Câmara e no Senado. Parlamentares da base aliada e da oposição divergem sobre a proposta e falta consenso até mesmo dentro do PT.

Saiba mais:

A presidente Dilma Rousseff se reuniu na tarde deste sábado com os ministros Aloizio Mercadante (Casa Civil) e Nelson Barbosa (Planejamento) para discutir detalhes relacionados ao projeto do Orçamento de 2016 e à possível volta da CPMF.

Mais tarde, na noite deste sábado, Dilma se reuniu com os dois ministros e com Joaquim Levy, ministro da Fazenda.

O governo tem até a próxima segunda-feira (31) para entregar ao Congresso Nacional a proposta para o Orçamento do próximo ano. 

A entrega ao presidente do Congresso, Renan Calheiros (PMDB-AL) deve ser feita pelo ministro do Planejamento, Nelson Barbosa.

sábado, agosto 29, 2015

Documentos secretos mostram como Lula intermediou negócios da Odebrecht em Cuba


A reportagem obteve arquivos sigilosos em que burocratas descrevem as condições camaradas dos empréstimos do BNDES à empreiteira 

 

THIAGO BRONZATTO

28/08/2015 - 23h14 - Atualizado 28/08/2015 23h48
Versão reduzida da reportagem de capa de ÉPOCA desta semana No dia 31 de maio de 2011, meses após deixar o Palácio do Planalto, o petista Luiz Inácio Lula da Silva desembarcou em Cuba pela primeira vez como ex-presidente, ao lado de José Dirceu

O presidente Raúl Castro, autoridade máxima da ditadura cubana desde que seu irmão Fidel vergara-se à velhice, recebeu Lula efusivamente. 

O ex-presidente estava entre companheiros. Em seus dois mandatos, Lula, com ajuda de Dirceu, fizera de tudo para aproximar o Brasil de Cuba – um esforço diplomático e, sobretudo, comercial. 

Com dinheiro público do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social, o BNDES, o Brasil passara a investir centenas de milhões de dólares nas obras do Porto de Mariel, tocadas pela Odebrecht. Um mês antes da visita, Lula começara a receber dinheiro da empreiteira para dar palestras – e apenas palestras, segundo mantém até hoje.

Naquele dia, porém, Lula pousava em Havana não somente como ex-presidente. Pousava como lobista informal da Odebrecht. Pousava como o único homem que detinha aquilo que a empreiteira brasileira mais precisava naquele momento: acesso privilegiado tanto ao governo de sua sucessora, a presidente Dilma Rousseff, quanto no governo dos irmãos Castro. Somente o uso desse acesso poderia assegurar os lucrativos negócios da Odebrecht em Cuba. 


Para que o dinheiro do BNDES continuasse irrigando as obras da empreiteira, era preciso mover as canetas certas no Brasil e em Cuba.

A visita de Lula aos irmãos Castro, naquele dia 31 de maio de 2011, é de conhecimento público. O que eles conversaram, não – e, se dependesse do governo de Dilma Rousseff, permaneceria em sigilo até 2029. 


Nas últimas semanas, contudo, ÉPOCA investigou os bastidores da atuação de Lula como lobista da Odebrecht em Havana, o país em que a empreiteira faturou US$ 898 milhões, o correspondente a 98% dos financiamentos do BNDES em Cuba. 

A reportagem obteve telegramas secretos do Itamaraty, cujos diplomatas acompanhavam boa parte das conversas reservadas do ex-presidente em Havana, e documentos confidenciais do governo brasileiro, em que burocratas descrevem as condições camaradas dos empréstimos do BNDES às obras da Odebrecht em Cuba. 

A papelada, e entrevistas reservadas com fontes envolvidas, confirma que, sim, Lula intermediou negócios para a Odebrecht em Cuba. E demonstra, em detalhes, como Lula fez isso: usava até o nome da presidente Dilma. Chegava a discutir, em reuniões com executivos da Odebrecht e Raúl Castro, minúcias dos projetos da empreiteira em Cuba, como os tipos de garantia que poderiam ser aceitas pelo BNDES para investir nas obras.

Parte expressiva dos documentos obtidos com exclusividade por ÉPOCA foi classificada como secreta pelo governo Dilma. Isso significa que só viriam a público em 15 anos. 


A maioria deles, porém, foi entregue ao Ministério Público Federal, em inquéritos em que se apuram irregularidades nos financiamentos do BNDES às obras em Mariel. 

Num outro inquérito, revelado por ÉPOCA em abril, Lula é investigado pelos procuradores pela suspeita de ter praticado o crime de tráfico de influência internacional (Artigos 332 e 337 do Código Penal), ao usar seu prestígio para unir BNDES, governos amigos na América Latina e na África e projetos de interesse da Odebrecht. 

Sempre que Lula se encontrava com um presidente amigo, a Odebrecht obtinha mais dinheiro do BNDES para obras contratadas pelo governo visitado pelo petista. 

O MPF investiga se a sincronia de pagamentos é coincidência – ou obra da influência de Lula. 

Na ocasião, por meio do presidente do Instituto Lula, Paulo Okamotto, o ex-presidente negou que suas viagens fossem lobby em favor da Odebrecht e que prestasse consultoria à empresa. Segundo Lula, suas palestras tinham como objetivo “cooperar para o desenvolvimento da África e apoiar a integração latino-americana”.
>> As suspeitas de tráfico de influência internacional sobre o ex-presidente Lula
>> MPF abre inquérito contra ex-presidente Lula por tráfico de influência internacional
>> Lula e seu companheiro de viagens – o lobista da Odebrecht Alexandrino Alencar
Documentos secretos mostram como Lula intermediou os negócios secretos da Odebrecht em Cuba  (Foto: Reprodução)
Outro lado

Procurado, o governador de Minas Gerais, Fernando Pimentel, afirma que, no período em que exerceu o cargo de ministro do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior, “não atuou em favor de empresas, nem tampouco a pedido do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva”. Diz o texto que várias empresas brasileiras participaram de consulta do governo uruguaio sobre o Porto de Rocha e o governo não atuou em favor de nenhuma das empresas. 


A Odebrecht afirma em nota que o ex-presidente não teve “qualquer influência” nas suas duas obras em Cuba, o Aeroporto de Havana e o Porto de Mariel. 

A empresa diz que as discussões sobre bioenergia com o governo cubano não avançaram, mas ainda estuda oportunidades nesse setor em Cuba, a partir da reformulação da Lei de Investimento Estrangeiro. 

A Odebrecht diz que a empresa na qual trabalha o ex-ministro Silas Rondeau foi uma das contratadas como parceira de estudos na área de energia.

Em nota, a assessoria de imprensa do Palácio do Planalto informou desconhecer o conteúdo dos documentos aos quais ÉPOCA teve acesso. 


Contudo, o Planalto destaca a importância estratégica do projeto de Porto de Mariel para as relações de Brasil e Cuba. “A possibilidade crescente de abertura econômica de Cuba e a recente reaproximação entre Cuba e Estados Unidos vão impulsionar ainda mais o potencial econômico de exportação para empresas brasileiras.” 

O BNDES afirma que a Odebrecht é a construtora brasileira com maior presença em Cuba, portanto faz sentido que a maior parcela das exportações para aquele país financiadas pelo banco seja realizada pela empresa. Diz ainda que mantém com a Odebrecht relacionamento rigorosamente igual a qualquer outra empresa. 

O BNDES nega que esteja financiando projetos envolvendo direta ou indiretamente a Odebrecht no setor de energia, bioenergia ou sucroalcooleiro em Cuba. 

Sobre entendimento para financiamento de um porto no Uruguai, como indicou o então ministro Pimentel, o BNDES disse que não há nenhuma tratativa referente ao projeto em curso no Banco. Procurado por ÉPOCA, o ex-presidente Lula não quis se manifestar.

Em depoimento à CPI do BNDES, o presidente do banco, Luciano Coutinho, disse que Lula jamais interferiu em qualquer projeto de financiamento. Os documentos obtidos por ÉPOCA mostram uma versão diferente. Caberá ao MPF e à PF apurar os fatos.

sexta-feira, agosto 28, 2015

O Serviço Autônimo de Água e Esgoto de Parauapebas - SAAEP promove educação ambiental com crianças de Escola Municipal de Ensino Infantil do município.






O Departamento de Educação Ambiental do SAAEP através de suas educadoras ambiental JACILENE COSTA e a Pedagoga GINA MIUKI MIKAWA BARRETO, Coordenadora daquele departamento, em parceria com o Centro de Educação Ambiental de Parauapebas - CEAP, e as escolas de Educação Infantil "Criança Esperança" e "Deisy Lorrane", promoveram na última quinta-feira (27) do mês em curso , uma verdadeira maratona educacional com crianças da faixa etária de 05 a 06 anos, dos turnos da manhã e tarde, ao ar livre, usando o método pedagógico lúdico em disputadíssima "Aula de campo" com os pequeninos. 

O palco escolhido para o desenvolvimento dessa atividade educacional voltada exclusivamente ao aprendizado sobre educação ambiental para este público mirim, foi o cenário mais que perfeito para essa finalidade, que foi o "cartão de visita" da entrada de Parauapebas, que é o lago artificial no bairro Nova Carajás. 


ATIVIDADES DESENVOLVIDAS.

Foram desenvolvidas diversas atividades com as crianças a partir de palestras sobre o uso de água de forma racional, e a preservação do meio ambiente, usando o método didático lúdico ilustrativo, não só com material educacional prático, como também a própria natureza que servia de pano de fundo, como o próprio lago artificial e as árvores ali existentes. 

Foi aplicada atividades pedagógicas devidamente orientadas pelas educadoras ambiental, como também as professoras das escolas infantis que acompanharam os pequenos alunos, que se divertiram muito com as atividades de pinturas relacionadas com a preservação do meio ambiente, da água, dos animais e da própria natureza. 

O momento mais interessante desta ação educativa com essas crianças, foi quando uma delas denunciou seu próprio pai dizendo: "Meu pai gosta de estragar água, quando eu chegar em casa, vou falar pra ele não fazer mais isso, porque o planeta fica triste". 

Outra no embalo da denúncia do seu coleguinha gritou: "Eu vou vigiar minha mãe quando ela for lavar prato porque ela deixa a torneira aberta estragando água tia !". 

"Educa a criança no caminho em que deve andar; e até quando envelhecer não se desviará dele". PROVÉRBIOS 22: 6.
"E traziam-lhe também meninos, para que ele lhes tocasse; e os discípulos, vendo isto, repreendiam-nos.
Mas Jesus, chamando-os para si, disse: Deixai vir a mim os meninos, e não os impeçais, porque dos tais é o reino de Deus". LUCAS 18: 15 e 16.


As Escrituras Sagradas dedicam uma atenção especial as nossas crianças, tanto no Velho Testamento, como no Novo Testamento. 



No Velho Testamento, no livro de Provérbios, nos mostra o grande benefício de uma criança bem instruída em sua infância, em todos os aspectos da vida. 


Se todos adultos observassem essa instrução milenar só encontrada na Bíblia Sagrada, com certeza absoluta, o índice de criminalidade envolvendo crianças e adolescentes no nosso mundo não estaria crescendo tanto. 

Não se teria também, tantos depredadores da natureza que são os grandes responsáveis pela catástrofe atmosférica que o planeta terra está sofrendo, por não terem sido EDUCADOS quando criança, a RESPEITAR e CUIDAR  da NATUREZA e a PRESERVAÇÃO da nossa ÁGUA, como a SEIVA da nossa VIDA. 

Os discípulos de Jesus Cristo foram repreendido por Ele, por tentarem IMPEDIR  que as CRIANÇAS fossem TOCADAS pelo MESTRE dos mestres. 

A observação de Jesus Cristo sobre como devemos tratar as nossas crianças perdura até os nossos dias. 

Devemos investir tempo, cuidado, zelo, atenção, carinho, disciplina, e dedicarmos muito amor as nossas crianças, para que no futuro, tenhamos adultos muito bem encaminhados na vida profissional, social e acima de tudo espiritual. 

Parabenizamos o SAAEP e sua equipe de Educação Ambiental, que dentro da medida do possível, tem procurado proporcionar as crianças e adolescentes deste jovem município, que cortou seu cordão umbilical do município de Marabá em 10 de maio de 1988, uma educação voltada para o cuidado e a proteção a natureza, ao meio ambiente, e em especial, o uso da água de forma racional, evitando o desperdício desse líquido mais que precioso, indispensável para a nossa sobrevivência. 

Nossa mensagem final é dirigida a todas instituições de ensino do nosso município e aos empresários que sobrevivem deste pedaço de chão, que nos unamos em torno da MOBILIZAÇÃO de toda sociedade parauapebense, vereadores e autoridades, Ministério Público, Poder Judiciário, igrejas evangélicas e católicas,  para a criação do Conselho da Água, etapa inicial para a criação do Comitê dos Recursos Hídricos, que tem como objetivo, proteger os nossos rios e afluentes dentro do município, como também disciplinar o uso da água, estabelecendo critérios de preservação da mesma, antes que em breve, passemos pela situação crítica e o que tudo indica, de forma irreversível que a população de São Paulo está vivendo. 

Em Parauapebas tem CONSELHO DE TUDO, menos Conselho da Água, bem precioso e indispensável a nossa sobrevivência e do planeta. Fiquem sabendo todos, que sem esse líquido que já está ficando escasso no mundo, Parauapebas deixará de existir. 

Pensem nisso !

A CRISE DE CONTAMINAÇÃO DOS RESÍDUOS PROVENIENTES DOS REJEITOS DE MINÉRIOS DA VALE NA MAIORIA DOS RIOS DE PARAUAPEBAS CADA DIA SE AGRAVA MAIS, SEGUNDO ESTUDOS E PESQUISAS DIVULGADAS RECENTEMENTE POR PESQUISADORES BIÓLOGOS.


Lutar pelo bem comum de todos não é crime, é um DIREITO DE TODOS NÓS !

Mais detalhes sobre esse assunto nos procurem através do nosso e-mail valterbt@gmail.com

Obs.  

Essa matéria é de nossa inteira responsabilidade, não tenho nenhum contrato de mídia com a administração do governo Valmir Queiroz Mariano, e muito menos com a autarquia SAAEP. 

Portanto, trata-se de matéria gratuita, categoria UTILIDADE PÚBLICA

Como Jornalista, nosso papel é divulgar fatos, e informar a sociedade tudo aquilo que é de interesse público de forma gratuita e espontânea. 

É o que sempre fiz neste município que ajudei a desenvolver desde que aqui cheguei em 1984. 
   


Valter Desiderio Barreto.