Banners


Create your own banner at mybannermaker.com!

Aproveitamento do caroço de açaí

< / a >

sexta-feira, junho 22, 2018

Mulher é suspeita de servir restos mortais de amante durante churrasco

Crédito: Divulgação/Michigan Department of Corrections
Uma investigação do canal “Investigation Discovery” descobriu que a americana Kelly Cochran teria se alimentado dos restos mortais do amante, Chris Regan, após tê-lo matado e esquartejado, com o auxílio de seu marido. 

O crime ocorreu em 2014 nos EUA.

Kelly admitiu no tribunal que ela e seu marido atraíram seu amante, atiraram nele e o esquartejaram. 

Em seguida, teriam servido os restos mortais de Chris em churrasco com os vizinhos. 

Os vizinhos relataram que a carne tinha um sabor estranho.

Em maio de 2017, a mulher foi sentenciada à prisão perpétua pelo crime e, no ano seguinte, foi condenada a 65 anos de prisão pela morte do marido com uma dose letal de heroína.

A família de Cochran disse aos investigadores que ela pode ter matado até nove pessoas e enterrado os corpos em vários pontos dos EUA, o que faz dela uma das maiores serial killers do país.

quarta-feira, junho 20, 2018

A história por trás da foto da criança que virou símbolo da separação de famílias migrantes nos EUA

Fotógrafo John Moore capturou momento em que menina observava a mãe enquanto ela era abordada por agentes de segurança após ser barrada durante a travessia da fronteira com o México.



Por BBC
  Criança de dois anos chora ao sua mãe ser revistada e detida em McAllen, nos EUA, perto da fronteira com o México, em foto de 12 de junho (Foto: JOHN MOORE / GETTY IMAGES NORTH AMERICA / AFP)
Era para ser só mais um caso policial na fronteira: outra família migrante sem documentos capturada na região de McAllen, no Texas, um dos pontos mais movimentados na divisa com o México. 
 
Mas o fotojornalista John Moore, da Getty Images, estava lá - e apontou suas lentes para uma menina que chorava desesperadamente enquanto via sua mãe ser detida pelos agentes de segurança. 
 
A imagem resultante se tornou um símbolo da dolorosa situação que crianças migrantes - e seus pais - enfrentam no processo de separação. 
Em pouco tempo, a imagem viralizou - reforçando as críticas à política do governo Donald Trump de separar famílias migrantes na fronteira. 
 
O fotógrafo contou à BBC: "Gostaria de ter passado mais tempo com elas, mas não pude.

A mãe disse que vinham de Honduras, que estava viajando havia um mês com sua filha de dois anos."

"A mulher deve ter 30 anos de idade e estava carregando a filha no colo", diz Moore. 
 
"O agente de fronteira pediu a ela que deixasse a criança no chão para que pudesse fazer sua identificação e uma revista corporal", diz o fotógrafo. 
 
Mas assim que ela acatou o pedido, "a criança começou a chorar". 
 
Moore diz que a cena o impactou, embora trabalhe na região da fronteira com o México há mais de dez anos e já tenha atuado também em locais como o Paquistão e o Oriente Médio. 
 
"Tive de parar para tomar um pouco de ar", diz Moore. "Sou um jornalista, mas também um pai.
 
Tenho filhos jovens.

Sei como crianças dessa idade sofrem com ansiedade de separação."

O fotógrafo achou difícil assistir à cena, porque sabia que a menina seria separada da mãe de acordo com a nova política migratória dos EUA.
 
"É algo que já vi muitas vezes", ele disse, "mas desta vez foi mais díficil".

'Já vi muitas coisas'

As fotos foram feitas ao fim de um longo dia de trabalho, no qual Moore acompanhou agentes de fronteira americanos. 
 
"Tirei essas fotos perto da meia-noite", disse. 
 
"Mas, antes disso, vi migrantes serem perseguidos por (policiais usando apoio de) cães e helicópteros. 
 
Já vi muitas coisas."
 
Ele também viu um grupo de pessoas tentando atravessar o rio Bravo - que delimita boa parte da fronteira entre o México e o EUA - em quatro botes. 
 
Eles haviam partido da cidade mexicana de Reinosa - e, após cruzar o rio, seguiram adiante. 
 
Moore acredita que essas pessoas tenham se reunido num local próximo a McAllen conhecido como 'El Rincón'. 
 
"Tornou-se um ponto de encontro para famílias migrantes que planejam pedir refúgio nos EUA", ele diz. 
 
"Essas pessoas estavam muito assustadas", relata o fotógrafo. 
 
"Eles eram em sua maioria mulheres e crianças da América Central. 
 
A maioria deles estava exausta, sonolenta e ansiosa." 
 
Eles haviam viajado separadamente, mas se uniram para continuar a jornada dentro dos EUA. 
 
Foi numa trilha de terra que a mãe e sua filha foram barradas pela patrulha que Moore acompanhava. 
 
Os agentes "foram profissionais e não maltrataram os migrantes", diz Moore. 
 
Depois de identificados, foram levados a centros de detenção. 
 
Moore não viu mais a menina após tirar a foto.

Polícia prende mãe de meninos mortos em incêndio no Espírito Santo


Resultado de imagem para Polícia prende mãe de meninos mortos em incêndio no Espírito Santo


Crianças morreram no dia 21 de abril. O marido dela, o pastor George Alves, está preso por estuprar, agredir e colocar fogo no filho e no enteado vivos. Juliana Pereira Sales Alves até então não tinha participação no crime e não era investigada.


Por G1 Vales de Minas

A mãe das duas crianças mortas carbonizadas em Linhares (ES) no dia 21 de abril, Juliana Pereira Sales Alves, foi presa em Teófilo Otoni (MG), na madrugada desta quarta-feira (20). 
 
O pastor George Alves, marido dela, está preso temporariamente desde o dia 28 de abril e foi indiciado por duplo homicídio triplamente qualificado, duplo estupro de vulneráveis e por colocar fogo no filho e no enteado vivos. 
 
Inicialmente, a Polícia Civil havia informado que a mãe não tinha participação no crime e não era investigada. 
 
O mandado de prisão preventiva por homicídio qualificado contra Juliana Pereira Sales Alves foi expedido pela Justiça de Linhares na segunda-feira (18), por suspeita de participação da mesma no crime. 
 
 
Resultado de imagem para Polícia prende mãe de meninos mortos em incêndio no Espírito Santo
O casal assassino de filhos do Demônio não queria herdeiros de uniões anteriores.
 
Em nota, o Ministério Público do Espiríto Santo informou que pediu a prisão preventiva de Juliana e George Alves, por tempo indeterminado, pelos crimes de duplo homicídio, estupro de vulneráveis e fraude processual. 
 
George ainda vai responder pelo crime de torturas.
Irmãos morreram carbonizados em incêndio em Linhares, ES (Foto: Reprodução/ TV Gazeta)
Irmãos morreram carbonizados em incêndio em Linhares, ES (Foto: Reprodução/ TV Gazeta).
 
De acordo com a polícia, Juliana estava escondida na casa de um pastor que é advogado da família. 
 
No momento da prisão, ela estava com o filho de 1 ano e um mês. 
 
A criança foi encaminhada para o Conselho Tutelar e depois ficou sob os cuidados da mulher do pastor. 
 
Juliana está na delegacia de Teófilo Otoni e deve ser levada para o presídio da cidade. 
 
Ainda segundo a polícia, ela deve ser transferida para Linhares até o fim da tarde desta quarta. 
 
O G1 entrou em contato com a advogada da pastora, Milena Freire, mas ela não quis comentar o caso.
Pais de meninos que morreram carbonizados após quarto pegar fogo em Linhares (Foto: Rafael Zambe/ TV Gazeta)
Pais de meninos que morreram carbonizados após quarto pegar fogo em Linhares (Foto: Rafael Zambe/ TV Gazeta).
 
 
Inicialmente, o pastor George Alves disse que as crianças morreram em um incêndio que atingiu apenas o quarto onde as vítimas dormiam. 
 
Mas, segundo a polícia, a versão dele não estava de acordo com os fatos apurados durante as investigações. 
 
A Polícia Civil concluiu que o pastor George Alves matou o próprio filho, Joaquim Alves Salles de 3 anos, e o enteado Kauã Salles Butkovsky de 6 anos. 
 
De acordo com as investigações, as crianças foram estupradas, agredidas e queimadas vivas.

terça-feira, junho 19, 2018

Acusado de homicídios é preso no ES ao tentar embarcar para Londres - Polícia



Férias canceladas
.

 
Gazeta Online
Jhonatan dos Santos Alcântara, de 27 anos, foi preso no Aeroporto de Vitória momentos antes de embarcar para Londres
Jhonatan dos Santos Alcântara, de 27 anos, foi preso no Aeroporto de Vitória momentos antes de embarcar para Londres
Foto: Divulgação/DCCV.

 
Integrante de uma gangue da Serra e suspeito de cometer homicídios no município, Jhonatan dos Santos Alcântara, de 27 anos, foi preso por policiais civis no Aeroporto de Vitória, nesta segunda-feira (18), momentos antes de embarcar para Londres, na Inglaterra. 
 
Após a prisão, Jhonatan foi levado à Delegacia de Crimes Contra a Vida (DCCV) da Serra.
 
Na manhã desta terça (19), durante coletiva de imprensa, o delegado Rodrigo Sandi Mori explicou que as investigações que resultaram na prisão de Jhonatan começaram em dezembro do ano passado, quando Jaderson Jesus de Ramos, de 26 anos, foi morto por bala perdida durante o ataque de uma gangue a uma festa de rivais no bairro Carapina Grande, na Serra.
Na ocasião do crime, Gustavo da Vitória da Silva, de 18 anos, e Douglas Xavier Nascimento dos Santos, de 23 anos, integrantes da gangue Campo do Brasil, se negaram a obedecer uma ordem da gangue de Jhonatan sobre uma festa. 
 
Em seguida, bandidos chegaram ao local e começaram a atirar a esmo. 
 
Dessa forma, Jaderson foi atingido por uma das balas quando saía da igreja. 
 
O delegado afirma que o jovem não tinha nenhum envolvimento com tráfico.
 
Gustavo morreu no local e Douglas escapou com vida do ataque.

Porém, acabou morrendo no dia 22 de maio deste ano, durante um segundo ataque promovido pela gangue do Ponto Final.

Neste mesmo dia, antes de matarem Douglas, os criminosos tentaram matar primeiro Giovane de Oliveira Fernandes, de 25 anos, que passava de carro em Carapina Grande quando foi abordado por traficantes.

A vítima, de acordo com a polícia, não estava envolvido com tráfico, mas familiares dele sim, o que pode ter motivado o crime, esclareceu Sandi Mori.

Segundo o delegado, o ataque do dia 08 de dezembro, que resultou em um duplo homicídio e uma tentativa, teve a atuação direta de Jhonatan.

Além dele, também participaram do crime Igor Andrade da Silva, de 22 anos; 

Farley de Souza Lima, 21 anos, que está foragido, e um adolescente de 17 anos.

Um terceiro suspeito, identificado como Juliano Amorim, que já está preso, ajudou no crime do dia 22.

"Todos eles são violentos e espalhavam o terror pelo bairro.

Contra o Jhonatan, existia um mandado de prisão em aberto pelos crimes ocorridos em dezembro.

Já, Igor e Farley possuem dois mandados cada um, por participação nos dois crimes", detalha o delegado.

Sandi Mori completa ainda que o adolescente participou somente da ação de maio e Juliano, no ataque ocorrido no final do ano passado.

O delegado Sandi Mori explica que o passaporte de Jhonatan havia sido tirado antes do mandado de prisão, quando a ficha dele era limpa.

Após ser preso, ele teria afirmado à polícia que tem família em Londres e iria visitá-los, mas voltaria, no entanto, a polícia não acreditou na versão dele.

"Na última semana, quando nossa equipe foi até o Fórum da Serra para buscar o mandado de prisão do Jhonatan e dos outros quatro suspeitos, demos de cara com o Juliano que foi lá solicitar uma autorização para viajar. 

Nós aproveitamos para prendê-lo ali mesmo. 

O Igor, que esperava pelo parceiro do lado de fora, também acabou preso. 

À partir daí, começamos a suspeitar da fuga do Jhonatan e conseguimos descobrir o dia e o horário que ele iria viajar", contou Sandi Mori. 
Com informações de Mayra Bandeira

.Exame de DNA comprova que ex-servidor de Vitória estuprou menina de 12 anos

Luciano Rezende exonera assessor acusado de pedofilia - Caso de Polícia
O pedófilo de camiseta branca ao lado do prefeito Luciano Rezende que o exonerou imediatamente.

 O acusado foi preso em flagrante no dia 8 de maio e disse que foi vítima de uma armação.

 
 
Por G1 ES

Um exame de DNA comprovou que o ex-servidor público Diniz Horácio da Silva, de 47 anos, estuprou uma menina de 12 anos, segundo a polícia. 
O acusado foi preso em flagrante no dia 8 de maio e disse que foi vítima de uma armação. 
 
A menina foi encontrada em um quarto fechado por um cadeado, na casa do acusado. 
Para a polícia, ela contou que era abusada há quase um ano.
Menina de 12 anos foi encontrada na cama do quarto de um servidor público de Vitória (Foto: Divulgação / Polícia Civil)
Menina de 12 anos foi encontrada na cama do quarto de um servidor público de Vitória (Foto: Divulgação / Polícia Civil).
 
No momento da prisão, Diniz Horácio era funcionário da prefeitura de Vitória e foi exonerado do cargo logo depois do ocorrido. 
 
A polícia concluiu, no dia 15 de maio, que ele praticou os crimes de estupro de vulnerável e exploração sexual. 
O resultado do exame de DNA ficou pronto no dia 17 de maio, para complementar o inquérito policial. 
 
O acusado está preso no Complexo do Xuri, em Vila Velha. 
Segundo o delegado Lorenzo Pazolini, titular da Delegacia de Proteção à Criança e ao Adolescente (DPCA), Diniz tentou intimidar testemunhas, mandando recados de dentro do presídio.
Servidor público foi preso em flagrante por estupro de vulnerável em Vitória (Foto: Fabrício Christ / TV Gazeta)
Servidor público foi preso em flagrante por estupro de vulnerável em Vitória (Foto: Fabrício Christ / TV Gazeta). 
 

Investigação.

A investigação da DPCA começou em abril, depois de uma denúncia anônima. 
Policiais foram até a casa do suspeito para cumprir um mandado de busca e apreensão quando encontraram a menina na cama dele, com roupas íntimas. 
 
“Ela falou que foi ao local atraída pelo dinheiro. 
O acusado alegou que, como era uma noite chuvosa e fria, ele a convidou para ir à casa dele, mas essa versão é muito frágil”, disse o delegado Lorenzo Pazolini. 
 
Na época, o delegado afirmou que outras duas adolescentes, de 13 e 15 anos, também sofreram abusos sexuais e prestaram depoimento. 
 
As duas meninas disseram à polícia que Diniz chegava até elas pelas redes sociais, oferecia dinheiro e bebidas em troca de relações sexuais. 
As meninas mentiam para os pais, dizendo que iam para casa de amigas, mas iam para a casa do homem. 
 
Segundo Pazolini, há suspeita de que amigos de Diniz também faziam sexo com as menores, o que é investigado em outro inquérito policial. 
 
Na época da prisão, o acusado disse para a polícia que já foi candidato a vereador e negou ter praticado abusos. 

“Foi uma armação. 

Eu sou inocente”, declarou à imprensa.

AME SEU CASAMENTO .


Nenhum texto alternativo automático disponível.


O marido voltando do serviço, encontra a mulher cozinhando.

Com muitas saudades da sua amada, dá-lhe um beijinho adocicado e mais outro e outro e muitos.

Muito felizes, vão para a mesa jantar, de repente o celular da mulher toca, uma mensagem do seu amigo que lhe desejava boa noite.

O marido vê a mensagem e se chateia, vai ao quarto se deitar sem jantar.

A mulher olha para o marido e pensa: _ Não! 

Ele não tem razão! 

Se chatear por uma simples mensagem? 

Eu não lhe vou babar, ele não é criança.

A mulher janta e vai se deitar, o casal dormiu virando-se as costas naquela noite.

À meia noite, a esposa fica suando com altas febres, então sem conseguir falar toca nas costas do esposo e ele de costas, com um ar de não me incomode, tira a mão da esposa.

A mulher sem mais ar, morre de ataque cardíaco. 

De manhã, ele acorda, prepara sua coisas para ir trabalhar, toma um banho e vai para empresa.

A esposa ainda estava na cama, então o homem repara nela e não lhe parecia muito bem, mas ele ignora e pensa:

Não lhe vou dirigir a palavra, até que ela o faça primeiro!

Então, se veste, toma café e e vai para o serviço.

À tardinha, quando o esposo voltava do serviço, viu em uma loja um lindo relógio que o encantou bastante, e comprou para dar a sua esposa. 

Ao chegar em casa, o marido estava feliz, ia dar um relógio a sua esposa amada e dizer o quanto lhe amava, o quanto era apaixonado por ela e lhe encher de muitos beijos.


Então, ele abre a porta e vai até a cozinha, pois ele estava pronto para surpreender a sua amada com um ótimo jantar, mas vê que o pequeno café ainda estava ali; sua esposa não o tinha tomado, então ele triste pensa: 

Ainda está chateada comigo!!! 

Ela nem tomou o pequeno café da manhã.

Então, o homem vai para o quarto deixar a sua pasta de trabalho, e vê que a esposa ainda estava na cama deitada na mesma posição.

Assustado, repara nela e alguma coisa lhe diz que ela estava morta.

Então o esposo chora, chora muito e mais um pouco.

Grita de desespero, mas a esposa estava morta... 

Não leve o orgulho para o quarto!!
O tempo é muito curto para brigas.
Cuida bem do seu amor!!!

Ame sua mulher ou marido, dê-lhe mimos, enche-lhe de beijos diga-lhe o quanto o ama ou a ama, encha de carinho e amor!!!

Porque o tempo nunca esperou ninguém. 

Acima de tudo não seja orgulhoso no amor.

Deus quer que cada um ame um ao outro!!!

Pare e pense: Nada é como queremos! 

Às vezes, temos que sacrificar por amor e por amar; não existem pessoas perfeitas, existem amores verdadeiros.

Deixe um up se leu até o fim.

segunda-feira, junho 18, 2018

Moro diz a ex-presidente do PT que audiência não é lugar de propaganda política – Jornal JN


 Resultado de imagem para Moro diz a ex-presidente do PT que audiência não é lugar de propaganda política


O juiz Sergio Mоrо mаіѕ uma vez іntеrrоmреu o dероіmеntо de umа tеѕtеmunhа dе dеfеѕа dо ex-presidente Lula. 

Ao participar dе audiência hоjе pela mаnhã (18), Rui Fаlсãо, disse estar preocupado роrԛuе Lulа еѕtá sendo реrѕеguіdо раrа nãо ser саndіdаtо, dероіѕ dе реrguntаdо sobre ѕuа relação com o еx-рrеѕіdеntе.

– Nãо é propaganda роlítіса аԛuі Senhor Ruі. 

Não é o mоmеntо dе o ѕеnhоr fаzеr isso – disse Moro.
Resultado de imagem para Rui Falcão Ex-presidente nacional do PT
Rui Fаlсãо

Fаlсãо dіѕѕе ԛuе еѕtаvа ареnаѕ rеѕроndеndо à реrguntа dа dеfеѕа. 

Moro disse ԛuе nãо раrесіа o саѕо e que ele dеvеrіа ѕе lіmіtаr a rеѕроndеr as perguntas. 

Nãо é a primeira vеz que Moro fala еm рrораgаndа de Lulа durаntе audiência.

Nа ѕеmаnа раѕѕаdа, Mоrо tаmbém іntеrrоmреu a testemunho dе Fеrnаndо de Mоrаіѕ dероіѕ ԛuе еѕtе relatou um elogio dе Bоnо Vоx ao еx-рrеѕіdеntе entre outras bobagens a rеѕреіtо dе Lulа. 

Rui Fаlсãо nеgоu qualquer аtо ilícito рrаtісаdо por Lula ou pelo PT para соmрrа de ароіо роlítісо e que nãо tinha ԛuаlԛuеr conhecimento sobre vаntаgеnѕ indevidas раgаѕ реlа Odebrecht e OAS.

O dероіmеntо de Fаlсãо durоu ареnаѕ sete mіnutоѕ.

Fonte: oglobo.globo.com