Banners


Create your own banner at mybannermaker.com!

Aproveitamento do caroço de açaí

< / a >

sábado, janeiro 28, 2017

Justiça bloqueia R$ 67 milhões em contas de suspeitos no esquema de Cabral e Eike

Unidos para roubarem o Brasil

De Flávio Godinho, braço-direito de Eike, a Justiça bloqueou R$ 57 milhões. A decisão foi nesta sexta (27) pela Vara Federal do Rio.



Flávio Godinho, ex-braço direito de Eike, e hoje vice de futebol do Flamengo, foi preso (Foto: Reprodução)
Flávio Godinho, ex-braço direito de Eike, e hoje vice de futebol do Flamengo, foi preso (Foto: Reprodução) 

 


A 7ª Vara Federal Criminal do Rio bloqueou, nesta sexta (27), R$ 67 milhões em contas de suspeitos e de empresas usadas no esquema envolvendo o ex-governador do Rio Sérgio Cabral e o empresário Eike Batista. 

O pedido foi feito pelo Ministério Público Federal a partir da análise da documentação apreendida pela Polícia Federal. 

As informações são do Jornal Nacional. 


De Eike Batista foram bloqueados R$ 158 mil. 

Chamou a atenção dos investigadores, os valores bloqueados do empresário Flávio Godinho, apontado pelo Ministério Público Federal e pela Polícia Federal como braço direito de Eike. 

Do ex-vice-presidente do Flamengo, a Justiça bloqueou R$ 57 milhões. 


Na quinta-feira (26), a Polícia Federal e o Ministério Público Federal, no Rio deflagraram a operação Eficiência. 

O juiz Marcelo Bretas, da 7ª Vara Federal Criminal determinou a prisão de nove pessoas. 

Três já estavam presas: o ex-governador Sérgio Cabral, o ex-secretário Wilson Carlos Carvalho e Carlos Miranda, apontado como operador do esquema do ex-governador. 



Entre os outros seis mandados, quatro foram cumpridos. 

Entre eles, para Flávio Godinho, que foi levado para o presídio de Bangu 8, no Complexo Penitenciário de Gericinó, junto com Sérgio de Castro Oliveira, Thiago Aragão Pereira e Silva e Álvaro Novis. 

Eike Batista e Francisco de Assis Neto são considerados foragidos. 

Os advogados de Eike e de Kiko, como Francisco é chamado, negociam com procuradores e policiais como será a apresentação de seus clientes. 


COMENTÁRIO:

A justiça brasileira não precisa se preocupar com a fuga do bandido Eike Batista para a Alemanha não, só basta ela confiscar todos os seus bens aqui no Brasil e bloquear todas a suas contas em instituições financeiras, que ele dá um jeitinho de voltar correndo para salvar sua fortuna adquirida por meio fraudulento.


Valter Desiderio Barreto


Barretos, São Paulo, 28 de janeiro de 2017, às 07: 51. 

Nenhum comentário: