Banners


Create your own banner at mybannermaker.com!

Aproveitamento do caroço de açaí

< / a >

sábado, setembro 17, 2016

Parauapebas: Darci e a Delta, contrato que o prefeito queria era o maior do Brasil

Domingo, 8 de julho de 2012


Darci queria encher os bolsos da DELTA.
Em Parauapebas a empresa teria o maior contrato
com uma prefeitura no Brasil, maior que em Palmas
 
 
Dados fiscais da empreiteira Delta, suspeita de abastecer o esquema de Carlinhos Cachoeira, expõem sua dependência do Estado para existir. 
 
Declarações de Imposto de Renda de 2009 e 2010 mostram que a empresa faturou nesses anos R$ 3,172 bilhões. 
 
Desse total, só provém do setor privado 0,4% (R$ 12,4 milhões).

Do setor público, a Delta recebeu R$ 3,159 bilhões no período analisado. 
 
O governo federal lidera o ranking de pagadores da empresa: contribuiu com 49% (R$ 1,567 bilhão) do faturamento total. 
 
Governos estaduais e do Distrito Federal respondem por 35% (R$ 1,108 bilhão). 
 
As prefeituras, por 15% (R$ 484 milhões)

Com relação às prefeituras, 10 das 28 que contrataram a Delta são do Rio. 
 
Esse grupo fluminense responde por 36,3% (R$ 176 milhões) do que foi pago por municípios à empresa.

Nenhum pagamento recebido pela Delta pode ser considerado ilegal, em princípio. 
 
Está tudo declarado pela empresa à Receita Federal. 
 
A CPI do Cachoeira terá de analisar quais foram de fatos os serviços prestados pela empreiteira. 
 
Aí poderá fazer um juízo sobre o que foram de fato esses pagamentos.

Em Parauapebas a DELTA venceu uma licitação do DARCI e o prefeito "quase" contratou a empresa, mas devido ao escândalo nacional tudo foi cancelado, porém, a JM TERRAPLANAGEM, que a CPI do Cachoeira suspeita que seja uma Delta de menor porte continua em Parauapebas e operando no governo DARCI.

A licitação que a DELTA venceu em Parauapebas previa sua contratação por cerca de R$ 148 milhões, ou seja, só com DARCI  a DELTA ia faturar em Parauapebas aproximadamente a metade do que faturou com as demais 28 prefeituras do Brasil, seria o maior contrato da Delta com uma prefeitura no país.

Em Parauapebas o Ministério Público, misteriosamente, ainda não instaurou, ao que se sabe, qualquer procedimento para investigar a breve passagem da DELTA pelo governo DARCI, nunca é tarde, quem sabe as coisas estão sendo "apuradas" em sigilo (esse deve ser o mistério). 
 
Julgando pela atuação do MPPA em outros municípios, inclusive no vizinho Canaã, só podemos concluir que a "batata" do DARCI está assando!
 
 
Fonte: Blog Sol do Carajás.

Nenhum comentário: