Banners


Create your own banner at mybannermaker.com!

Aproveitamento do caroço de açaí

< / a >

quarta-feira, setembro 21, 2016

Parauapebas: Com quociente eleitoral alto, uma vaga na Câmara está ainda mais difícil

Há poucos dias para a data das eleições, a campanha esquenta para a Câmara de Parauapebas

Uma vaga na Câmara terá a disputa mais concorrida da história da política local

Segundo a justiça eleitoral, são 297 candidatos a vereador em Parauapebas, eles estão espalhados por 10 coligações e mais 3 partidos que disputam isoladamente as 15 vagas da Câmara Municipal. 

Veja a seguir cada uma das coligações e as expectativas de eleição ou reeleição.

Coligação: PARAUAPEBAS QUE EU QUERO

Composta pelo PEN, PV, PRP e PMB essa coligação deverá fazer o quociente eleitoral. 
 
Tem 2 vereadores que tentam a reeleição por essa chapa, a Irmã Luzinete (PV) e o João do Feijão (PV). 
 
Outro destaque é a ex-vereadora Percília (PEN), segundo analistas da política local, poderá eleger um vereador, nesse caso apontam uma ligeira vantagem para o nome da Sra. Percília.

Coligação: FORÇA DA RENOVAÇÃO


PP e PR estão aliados e tentam chegar à Câmara, Cláudio Almeida, Daniel Fernandes, Andreia Lima e Alex do Novo Óleo são os nomes que se destacam. 
 
A expectativa é que eleja um deles, os analistas apontam uma pequena vantagem para Cláudio Almeida e Daniel Fernandes. 

Coligação: JUNTOS POR UMA PARAUAPEBAS MELHOR

PSDC e PSB estão juntos e a expectativa é que também ocupem uma das 15 vagas na Câmara de Parauapebas. 
 
Tem o vereador Barrão tentando a reeleição, além dele outros 2 nomes vem se destacando na disputa por uma cadeira: Antonio Neto e Dr. Francisco.

Coligação: UNIDOS PELO PROGRESSO

Aqui tem o PSC e o PDT, nessa coligação 2 vereadores tentam a reeleição, Marcelo Parceirinho e Maridé. 
 
O JB, o Pedro Jaques e o Zé do Bode também se destacam. 
 
A expectativa é que eleja 2 vereadores, nesse caso, Maridé e Marcelo Parceirinho saem em vantagem.

Coligação: JUNTOS SOMOS MAIS FORTES

Com PMDB e PHS, essa coligação deverá ter o maior número de votos de legenda. 
 
O grande destaque é Coutinho, ele foi candidato a prefeito em 2012, naquela ocasião obteve mais de 29 mil votos. 
 
Também tem a vereadora Eliene Soares tentando sua reeleição. 
 
Rafael Ribeiro é outro destaque. 
 
Zezinho, ex-PSOL e Wolner, ex-vereador, também são conhecidos. 
 
A expectativa é que a coligação faça 2 vereadores com certeza, é provável que chegue a 3, os analistas locais apontam os nomes do Coutinho e de Eliene com uma certa vantagem sobre os demais.

Coligação: PARAUAPEBAS É MAIOR

Nessa coligação o impossível aconteceu, aqui o PT e PSDB estão unha e carne, unidos, juntos e misturados. 
 
Na chapa ainda tem o PMN, com destaque para o candidato GIBI, e o PPL com o nome do policial RAMBO. 
 
Talvez seja a coligação mais forte na disputa proporcional, conta com 5 vereadores tentando a reeleição: Braz, Miquinha, Pavão, Prof. Euzébio e Zacarias. 
 
A expectativa é que elejam 3 nomes para a Câmara, o atual vereador Braz é apontado como o favorito, ficando uma certa vantagem para ocupar as demais vagas com os outros vereadores que tentam a reeleição.

Coligação: PARAUAPEBAS SUSTENTÁVEL

A Rede e o PCdoB integram essa coligação. 
 
A Rede disputa sua primeira eleição e tem como destaques o ex-vereador Zé Alves, a professora Odilza, Francisco do Karatê e o Diretor Andrew. 
 
A coligação é forte, mas ainda não é possível afirmar que atingirá o quociente eleitoral, os analistas da política local indicam que falta pouco, no caso, Zé Alves teria certa vantagem sobre os demais.

Coligação: PARAUAPEBAS QUER O MELHOR

Essa coligação tem o DEM e deve ter uma boa votação de legenda, o que ajuda bastante. Nomes conhecidos que já disputaram a vereança como o professor Wagner e o Negão. 
 
Também tem o Marlúcio Sangue Bom e o Joel do Sindicato, outros nomes bem conhecidos. 
 
Há dúvidas se atingirá o quociente eleitoral, alcançando a vaga ficará com um dos 4 nomes citados.

Coligação: PARAUAPEBAS NO RUMO CERTO

Outra coligação no limiar de fazer o quociente e alcançar uma vaga na Câmara, mas ainda não é certo. 
 
Composta pelo PTB, PRB e PTN, tem o nome do atual vereador Massud que tenta mais um mandato. 
 
A Kelen Adriana e o Silvio Santos são outros que se destacam. 
 
Alcançando o quociente a vaga deverá ficar com o atual vereador Massud. 

Coligação: PARAUAPEBAS UM NOVO TEMPO

Composta pelo PSOL e PRTB, essa coligação tem como nomes bem conhecidos Roberto, presidiu o Sinseppar, e da enfermeira Leonice. Também tem o nome do professor Afonso e Sidney. 
 
A expectativa é que não alcance o quociente, apesar de poder ter votações expressivas de alguns candidatos.

PPS

Concorrendo sozinho, o PPS dificilmente alcançará o quociente eleitoral. Como destaque entre os seus candidatos tem o Cortina Filho.

PROS

O PROS confiou no seu taco e vem pra disputa sozinho. 
 
O vereador Dr. Charles tenta a sua reeleição, mas o time é forte e tem vários destaques: Luiz Castilho, Ivana Andrade, Josemir da Imobiliária, Deibson, Caiado, Judson Gomes e o Da Roça. 
 
O PROS garante 2 vagas e pode chegar a uma 3ª. Luiz Castilho e Dr. Charles tem ligeira vantagem, mas tem concorrentes fortes.

PSD


O PSD também saiu sozinho, tem um time forte na disputa. 
 
Os atuais vereadores Bruno Soares e Joelma Leite estão na equipe e tentam a reeleição. 
 
Outros nome como Horácio Martins e Marcel Nogueira estão na disputa. 
 
Tem ainda Chico Brito, Alberto Souza, Lucio, Jamila Azevedo, Leudicy Leão e Neuraci Braga. O PSD ocupará 3 vagas. 
 
Os analistas apontam uma ligeira vantagem para Bruno Soares, Joelma Leite e Horácio Martins.

A disputa tem sentido, mas é bom mudar



O cargo de vereador é bem disputado, são apenas 15 vagas, a campanha é ferrenha.


Tinha até sentido, mas com o surgimento em Parauapebas do procurador Nelson Medrado, do promotor Hélio Rubens e do juiz Líbio Moura a coisa mudou um pouco, aquela lenda de que ser eleito vereador era ganhar todo ano um prêmio da mega Sena é bom ser esquecida, engavetada.


Nota: a análise acima não tem base em pesquisa e nem valor científico, trata-se apenas de análise opinativa e serve apenas como isso, ou seja, opinião do autor. 

Por fim, diria o Belchior: "... um analista amigo meu me disse que (é) desse jeito...".
 
 
Fonte: Blog Sol do Carajás.
 
 
COMENTÁRIO: 
 
Só reproduzir essa matéria do Blog Sol do Carajás aqui no meu Blog, porque eu enviei um comentário sobre a "análise" dos possíveis vereadores eleitos nessas eleições municipais de 2016, para o espaço de comentário do mesmo por duas vezes, e não foi publicado. 
 
"Vou transcrever na íntegra o meu comentário sem nenhuma pretensão de ser "Cientista o Analista Político". 
 
Ainda bem que a observação sobre a análise do autor "Cientista político", não tem valor político, não passa de uma mera opinião.

Concordo plenamente meu amigo !

Porque se essa análise service de parâmetro para mensurar a possibilidade dos candidatos apontados como os "preferidos" da população de Parauapebas garantisse a conquista das 15 vagas de vereador no Legislativo Municipal, os resultados das urnas no dia 02 de outubro de 2016, iria contrariar categoricamente a referida análise, que não passa mesmo de "análise opinativa".

Até porque, essa análise opinativa está um tanto tendenciosa.

Se preparem para a grande decepção de quem está esperando se eleger e/ou reeleger a vereador nessas eleições de 2016.

A reação da população de Parauapebas apontam resultados bastante diferente para os nomes que constam na lista dos "Destaques" do analista.

Eleição garantida mesmo está, é a do prefeito Valmir Queiroz Mariano, e geralmente voto de candidato a prefeito não é transferido para candidato a vereador, ainda que o candidato pertença a base aliada do candidato que está disputando a cadeira da prefeitura.

Os dois poderes são olhados com olhos diferentes em tempo de eleição.

Cabeça de juiz, cabeça de Índio, cabeça de eleitor ninguém sabe o que sai de dentro delas".


Valter Desiderio Barreto
 
 

Nenhum comentário: